Depilação Genital Masculina - A Jardinagem das partes baixas
Depilação Genital Masculina - A Jardinagem das partes baixas
Depilação íntima masculina - Tudo o que precisas de saber!

Vivemos num mundo louco. A jardinagem artística, entenda-se depilação íntima masculina, ganha cada vez mais terreno à tendência de deixar o matagal aí em baixo crescer descontroladamente. São muitos os homens que optam agora por um aspecto mais limpo, no que diz respeito à quantidade de pêlo. Da higiene ao estilo, há muitas razões para aparar os teus pelos púbicos - e estudos comprovam que as mulheres gostam mais. Então do que estás à espera? Vamos ensinar-te a tratar da tua pilosidade genital com dicas de preparação, conselhos práticos e uma revisão dos métodos mais comuns.

NÃO SALTES OS PRELIMINARES

Se já dominas a lâmina no rosto, então vais perceber que quando se trata dos genitais, não há muitas diferenças. Aqui estão algumas dicas importantes antes de começares a depilação:
 1. Aquece a casa de banho. Uma pele arrepiada cria pequenos altos na pele que aumentam a probabilidade de te cortares, e queremos evitar isso ao máximo.
 2. Limpa bem a zona, para evitares um baile de bactérias durante todo o processo.
 3. Recomendamos uma depilação molhada para resultados mais perfeitos - vais conseguir uma depilação mais eficaz, sem necessidade de muitas repetições. As bactérias podem irritar a tua pele, por isso não facilites e usa uma lâmina nova se possível.
Se, apesar de tudo, tens um Chuck Norris em ti e preferires a depilação a seco, temos algumas dicas no final desta página.

3 PASSOS PARA DEPILAR O MATAGAL

Passo 1 - Aparar
É essencial aparar antes de rapar. De outra forma os pêlos mais longos podem ficar presos na lâmina e vão magoar-te mais facilmente. Puxa a pele firmemente e, com um aparador de pêlos ou uma máquina, começa por reduzir a abundância de pêlo. É tão simples quanto isto.

Passo 2 - A depilação húmida
É altura de cortar o mal pela raiz. Aplica um gel ou stick para depilação na área que queres aparar de forma a criares uma camada fina. Depois, usa os teus dedos para puxar a pele com firmeza e passa a lâmina , sempre na direção do crescimento dos pêlos. Vai com calma e não sejas bruto. Depois é só remover o resto do gel ou stick. Honestamente, nós recomendamos NIVEA MEN Gel para Depilação ou NIVEA MEN Stick para Depilação como solução ideal para garantir a protecção da tua pele e um resultado livre de irritações.

Passo 3 - After Shave
Se não te descuidas no cuidado depois de te barbeares, de certeza que não vais fazer o mesmo com a depilação genital. Usa uma loção pós-depilação e protege-te da vermelhidão e comichão. Recomendamos-te NIVEA MEN Loção pós-Depilação.

DEPILAÇÃO A SECO

A depilação a seco na zona genital é um verdadeiro desafio, mas não é nada de impossível. Vai com calma, alguns modelos de máquinas têm umas lâminas que servem apenas para aparar, e se te apanham a pele não vai ser nada agradável o esticão. Portanto, primeiro vais aparar o tamanho do pêlo e só depois, em movimentos circulares com muito cuidado, é que vais começar a depilar efetivamente. No fim é altura de aplicar uma loção pós-depilação para evitares a vermelhidão e a irritação.

DEPILAÇÃO GENITAL - ALTERNATIVAS MENOS CONVENCIONAIS

Depilação molhada ou seca não é a única solução no cardápio da jardinagem genital. Ficam aqui alguns exemplos a ter em conta:

Depilação Brasileira: O método é simples - cera quente na zona a depilar, deixar arrefecer e muito rapidamente puxar no sentido contrário ao crescimento do pêlo. Este método não é para todos, de todo!

Epilação: Os pelos são arrancados milímetro a milímetro... ouch!

Sugaring: Sim o nome é doce, mas o método é basicamente igual ao da cera, mas com uma pasta à base de açúcar, que não é tão agressiva para a pele. 

Cremes depilatórios: Aplicar químicos na zona genital que podem levar a irritações não é para todos, e nós percebemos o porquê.